MULHER DE 40 ANOS| socorro como cuidar das minhas pernas

É a partir dos 40 anos que as nossas pernas sofrem mais de doenças venosas, estima-se que só em Portugal cerca de dois milhões sofram com esta doença de varizes e derrames. Conheça os tratamentos naturais e cirúrgicos para eliminar as varizes, pois além da beleza das  pernas poderem ficar comprometidas a saúde do individuo tambem. Saiba como fazer uma boa prevenção para evitar varizes e os primeiros sintomas afim da combater de forma mais eficaz. 

Antes e depois do tratamento.

 SINTOMAS VARIZES E DERRAMES

»Sentir as pernas pesadas;

»Pernas e pés inchados;

»Durante a noite sofrer cãibras e dores.

 

CAUSAS PARA A DOENÇA

»O peso a mais, portanto a obesidade;

»A gravidez;

»A pílula;

»O consumo de tabaco;

»Estar muito tempo de pé ou sentada;

»Os ambientes quentes;

»A hereditariedade.

PREVENÇÃO DE VARIZES E DERRAMES

»Praticar regularmente exercício físico, isto é uma regra fundamental;

»Colocar as pernas quando possível mais altas que a cabeça, durante algum tempo;

»Evitar o uso de roupas muito apertadas;

»O calçado deve ser confortável e com um salto inferior a 4 centímetros;

»Evitar os ambientes demasiados quentes;

»Praticar uma alimentação rica em fibras.

Antes e depois do tratamento.

TIPOS DE VARIZES

. Derrames

São conhecidos na comunidade médica por TELANGIECTASIAS, muitas vezes podem ser observados no pé, na zona dos calcanhares as pequenas veias muito vermelhas com muitas ramificações. Os derrames podem aparecer em zonas muito diversificadas.

. Varizes

São conhecidas cientificamente por VEIAS VARICOSAS, trata-se de veias dilatadas e alongadas de pequena ou grande profundidade, que adquirem uma cor azulada.

TRATAMENTO

. Drenagem linfática manual: É uma massagem muito suave que a vai ajudar a relaxar, provocar uma sensação de alivia e estimular a circulação.

. Tratamento com Laser: Este é o tipo de tratamento que se faz mais na actualidade, retira derrames e varizes entre 3 a 5 mm de largura. A recuperação é surpreendente, o espaço de tempo varia entre 6 meses a 1 ano.

. Escleroterapia: É um método de tratamento em que consiste em administrar uma injeção para danificar os capilares. Mas em relação ao tratamento Laser tem muto mais complicações.

. Hidroterapia e a Acupunctura: Tambem pode recorre ao tratamento com águas naturais (balneoterapia) ou á técnica oriental com agulhas.

. Cirurgia convencional

DECISÃO CIRÚRGICA OU NÃO CIRÚRGICA

Deve analisar todos os métodos de tratamento e só depois de estar devidamente bem informada, é que tomará a decisão mais acertada para o seu problema. Deverá ter em conta os possíveis resultados, os riscos e a anestesia.

»A cirurgia só se justifica se tiver que tirar alguma veia que esteja em péssimas condições, os médicos devem retirar o menos possível. Portanto a solução cirúrgica deverá ser mesmo a ultima opção a ser tomada.

»O tratamento a Lazer é um método actual e moderno, sendo mesmo o mais aconselhado para os pacientes. Elimina os derrames através do aquecimento e coagulação, dando-se assim uma cauterização. O tecido coagulado e absorvido naturalmente pelo organismo e é de salientar a rápida recuperação.

Antes e depois do tratamento.

DICAS NATURAIS

Alho: É uma excelente diluidor do sangue, vai ajudar a circulação do sangue.

Hamamélia: É uma planta otima para tratamento natural do problema como veias varicosas e pernas cansadas.

Castanha da Índia: É um fruto da castanheira da Índia, tem muitas propriedades benéficas na circulação sanguínea. Estimula a resistência dos pequenos vasos, previne pequenos derrames nas pernas e varizes aumentando a circulação local.

Mirtilo: As varizes mais pequenas ou as varicosas, respondem muito bem ao tratamento com suco de mirtilos.

Centelha asiática: Pode ser usada com sucesso em tratamentos de varizes, porque tem uma enorme capacidade de reforçar a estrutura dos tecidos que envolvem as veias.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *