Garrafa vinho, consumo, organizar e guardar

Beber vinho pode ser apaixonante e proporcionar momentos de muito prazer, mas para isso é importante saber comprar vinho, organizar e conservar. Não precisa de ter uma adega de vinho, nem tantos conhecimento como um verdadeiro produtor ou etnólogo, mas até os melhores vinhos do mundo precisam de um trato especial na sua garrafeira em casa para manter e garantir a qualidade.

Garrafeira caseiraGarrafeira caseira I

ALTERAÇÕES DO VINHO

Sejam vinhos caros ou baratos, tinto ou branco o que é certo é que com o envelhecimento modifica-os. Desta forma o local, a organização das garrafas e o tempo de consumo deve estar muito presente.

GUARDAR AS GARRAFAS

Na hora de comprar vinho já percebeu que as condições de armazenamento são fundamentais, desta forma deixamos-lhe aqui dicas de conservação importantes, que vão ajudar a manter a qualidade do vinho. Dicas para bem conservar o vinho:

. Temperatura entre os 12 e 14ºC é o ideal, evitando um envelhecimento demasiado rápido ou lento;

. Guarde as garrafas em local escuro, a luz pode comprometer a qualidade até dos melhores vinhos;

. A humidade ideal situa-se entre os 60 e 75%, muita humidade pode favorecer o aparecimento de bolores;

. Nunca guardar por perto produtos químicos ou outros, pois podem alterar o sabor do “néctar”;

. O repouso das garrafas na horizontal vai manter a rolha de cortiça sempre molhada, garantindo quase na totalidade o isolamento do vinho. Evite criar vibração, mantenha a garrafeira afastada de máquinas de lavar e frigoríficos.

ORGANIZAR A GARRAFEIRA

Deve organizar as garrafas de forma a decidir se vai consumir brevemente ou reservar para mais tarde. Nem todos os vinhos resistem muito tempo ao armazenamento, como é o caso do vinho verde que deve se consumido no máximo até á próxima colheita. Considere a quantidade de garrafas, faça uma estimativa para o consumo diário e reserva para momentos especiais, colocando o vinho tinto nas prateleiras mais altas e o branco em baixo pois é uma zona mais fresca.

VINHO PRAZO PARA O CONSUMO

Não existe um prazo rígido para o consumo, mas existe indicações que ajudam a determinar o tempo ideal de “vida” como é o caso do estágio do vinho, assim:

. Os vinhos verdes e jovens devem ser consumidos até um ano (próxima colheita);

. Um vinho tinto com estágio curto na madeira o prazo de consumo pode ir até os 5 anos;

. Vinho tinto com estágio longo na madeira, o seu consumo pode ter um prazo até 15 anos;

Garrafeira caseira II

GARRAFEIRA EM CASA

Se gosta de vinho experimente e pense num espaço ai em casa, pode ser na arrecadação, num canto da garagem ou sala, desde que respeite as condições de conservação já mencionadas. Se lhe atrai esta ideia de poder ter em sua casa uma garrafeira e ter mais conhecimento, pode fazer um curso de vinhos e perceber mais sobre os vinhos de Portugal e do mundo, boa sorte e boa pinga.